Lavra... BOLETIM DE POESIA.

DA PAlavra... - ao jeito de Editorial 

Aos que me conhecem e apoiaram ao longo da minha existência, eis que regresso após um período de “hibernação”, aos que só agora estão a ter contato comigo, eu passo a apresentar-me: 

Olá, eu sou o lavra... BOLETIM DE POESIA. 

Nasci em 2001 e fui entregue em mão e entrei em muitas caixas de correio de norte a sul de Portugal e ilhas, rumei até França e Brasil, ao longo de 14 números (do 0 ao 13) até 2005. Ano em que mesmo sem imposições de troika, a crise bateu à porta por via dos portes de correio. Era incomportável suportar o Boletim, e entretanto virei (pequena) Editorial, apoiando e publicando autores de diversos géneros de literatura (Poesia; Conto; Teatro; Teatro Infanto-Juvenil; Ensaio; Sociologia e 3 Coletâneas Poéticas. Para além disso levei a efeito diversas realizações em Vila Nova de Gaia e em Lisboa, das quais se destacam a 1.ª e 2.ª Festa da Palavra; a 1.ª Antologia Oral (com poemas ditos pelos próprios autores). a par de largas dezenas de tertúlias, encontros de poesia e lançamentos de livros. 

Já na época do lavra... Boletim de Poesia ser só impresso, existia a ideia de vir a ser publicado no mundo virtual e eis que chegou o momento. 

Além disso, pretendo a muito breve prazo poder regressar em simultâneo à edição impressa, mantendo o visual anterior através do sistema "Print-On-Demand". 

O lavra... Boletim de Poesia foi fundado por Eduardo Roseira, Ana Maria Roseira, sua irmã, David Barreira e Fernando Morais, tendo-se mais tarde juntado ao grupo Luís Nogueira e Júlia Meireles. A nossa sede é em Santa Marinha, freguesia de Vila Nova de Gaia, Portugal. 

É de destacar dois importantes colaboradores e incansáveis difusores do lavra... Boletim de Poesia, ambos de Lisboa, com os quais muito aprendi e a quem quero dedicar este meu regresso: 

- Fernando Pinto Ribeiro e Ulisses Duarte! 

A eles e a todos os que me ajudaram a resistir, o meu Bem Haja! 
A todos vós a minha gratidão por a partir de agora, participando, colaborando, dando sugestões e partilhando, me ajudarão a singrar no mundo virtual e simultaneamente de novo em letra impressa. 

O Diretor, 

Eduardo roseira 

Torne-se assinante anual; ( 4 números por 12 € para Portugal continente e ilhas, e 30 € para o estrangeiro, com os portes de correio incluídos). 
Receba O lavra…boletim de Poesia em sua casa, partilhe com quem gosta de escrever e junte-se a nós. Leve a arte até si, participe. 

Colaboradora, 

Conceição Bernardino 


eduardo roseira 

(Diretor do "lavra...Boletim de Poesia) 




É com enorme prazer que vejo um poema meu, publicado no Lavra, ''Rir é descomprimir'', deixo aqui um abraço fraterno ao amigo e Director do Lavra, Eduardo Roseira. 


Blogs Portugal