Exposição de artistas autodidatas feirenses





Dezasseis artistas integram a exposição “Por conta própria – artistas autodidactas feirenses”, constituída por 64 trabalhos que evidenciam a pluralidade de expressões artísticas no território. A mostra vai estar patente, em simultâneo, na Biblioteca Municipal e Museu Convento dos Lóios, de 4 a 26 de Março.

Acácio Rouxinol, Américo da Costa Dias Pinto, Celestino Ferreira, David Santos, Dinis Mesquita, Eduardo Depinho, Graça Lima, Ilda Relvas, Ismael Silva, Leonor Sousa, Lisete Carmo, Margarida Costa, Maria Odeta da Silva Sequeira, Paulo Fontes, Teresa Heitor e Zulmira Vita dos Reis são os artistas autodidactas que integram esta exposição.

Ao promover este encontro de artistas autodidactas de Santa Maria da Feira, a Câmara Municipal pretende criar condições e fornecer estímulos à criatividade artística da comunidade, sem qualquer tipo de discriminação e aberta à pluralidade de expressões artísticas e à diversidade de padrões estéticos e culturais.

Informações | Exposição
Data: de 4 a 26 de março de 2017
Local: Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira e Museu Convento dos Lóios
Horário: seg. a sex. – 10h00 » 19h00 | sáb. – 10h00 » 17h00 [Biblioteca] e ter. a sex. – 9h30 » 17h00 | sáb. e dom. – 14h30 » 17h30 [Museu Convento dos Lóios]
Inauguração: 4 de março [15h30 » Museu | 16h30 » Biblioteca]
Entrada: livre


O triunfo da natureza

''O triunfo da natureza'', exposição de pintura, a decorrer na Vício das Letras, em Santa Maria da Feira



Obrigado amigo Jorge Costa, pela visita.


MADE IN Ribeiras de Fiães

Volta o sol, voltam os esboços e a pintura de ar livre, agora com mais tempo, sem ter de ''fugir'' aos aguaceiros e sem andar a tremer com o frio... Deixo-vos hoje com estes apontamentos/ desenhos, do meu novo caderno de esboços, bem mais pequeno que o habitual, mas mais prático...




As minhas ''velhas amigas'', agora com dois novos rebentos, nascidos há umas semanas...




A natureza com toda a sua força, mas que o homem ainda insiste, em tentar ''educar''...






E esta égua, que por vezes encontro a pastar ao lado do seu macho, que não aparece neste desenho.





Visita de estudo, Oliva Creative Factory

Oliva Creative Factory.
Uma mais valia para quem gosta de arte, um ponto de referência no panorama nacional.

Obras da coleção de Serralves, exposição '' a minha casa á a tua casa''.




Revistando a exposição de arte bruta, pela ...º vez







Um dos maiores nomes da arte bruta, Henry Darger.




Rostos dos antigos trabalhadores da Oliva, esculpidos por Vhils (Alexandre Farto).





O triunfo da natureza



Vista parcial da exposição '' o triunfo da natureza'' a decorrer na Vício das Letras, em Santa Maria da Feira até 4 de Março...


Exposição de pintura

fev18sábado
O triunfo da natureza
QuandoSábado 18 Fev 16:00 – Sábado 4 Mar 2017 16:00 (WET)
OndeVicio Das Letras
QuemPaulo Fontes*
Agenda
Sábado 18 Fev 2017
Sem eventos mais recentes
16:00O triunfo da natureza
Sem eventos posteriores


A minha próxima exposição de pintura, vai decorrer na livraria/galeria Vício das Letras, em Santa Maria da Feira, fica o convite, a inauguração é já neste sábado, a exposição poderá ser vista até 4 de Março, podendo o prazo da exposição ser alargado, se assim se justificar.  

Vicio Das Letras - Liv. E Actividades Culturais, Lda
Endereço: Rua Doutor José Correia de Sá, 59, Santa Maria da Feira, Aveiro, 4520-208 Santa Maria da Feira
Telefone: 256 364 627

Sugestão: ''TÁBUA RASA''




Exposição de Carlos Antunes, de 11 de Fevereiro a 4 de Março, na Galeria Vieira Portuense, Largo dos Lóios, nº 50, 4050-338 Porto

"TÁBUA RASA" em latim significa folha em branco, termo utilizado pelo filosofo Locke para descrever o estado da mente humana no acto do seu nascimento. Locke acreditava que as ideias não são inatas e que a mente obtém todas as ideias a partir do conhecimento pré-existente.

Carlos Antunes apresenta-nos uma breve retrospectiva daquilo que tem sido o seu percurso nestes últimos anos. Temas que vão desde figurativo ao abstracto, oferecendo-nos sempre uma explosão de cor, qualquer que seja a temática.
Carlos Antunes comemorou em 20016 trinta e cinco anos de exposições, que vão de Norte a Sul de país assim como em Espanha, França, Itália, Noruega, Inglaterra, Cabo Verde e México. Totalizando mais de uma centena de mostras.
Obras suas fazem parte de colecções publicas e privadas, quer no país quer no estrangeiro. Realizou a I Mostra Internacional de Arte de Braga, onde foi curador.




Texto e fotos, Galeria Vieira Portuense